Damasco, contra indicações e efeitos secundários

O Damasco, como fruto em si só tem contra indicações, no caso de consumo exagerado pode provocar efeitos mais nocivos em crianças menores de 10 anos e adultos com mais de 50. Não é indicado em casos de diarréia. Efeitos secundários, o glucosídeo amigdalina, presente em seu caroço, pode produzir um veneno de ação muito rápida se misturado com água. Mas a toxicidade do componente amigdalina pode ser reduzida, se o caroço for cozido na panela ou no vapor. A raiz é usada no preparo de um antídoto contra tal envenenamento.

As folhas e hastes podem provocar diarréia, dor de cabeça, vômito e náusea. Em excesso, podem causar envenenamento hidrociânico, depressão no sistema nervoso e falhas respiratórias, mas também não são por norma consumidas.

 

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *