Manga, a lenda

A Manga,  conta-se que, no século XVI (16) , o imperador indiano, de seu nome, Akbar Mogul, que neste caso para além de uma lenda, é um fato histórico, mandou que se plantassem mil mangueiras em alguns pomares com pouca densidade de árvores. Três séculos mais tarde, um fruticultor e investigador inglês, de seu nome Charles Maries, encontrou algumas dessas árvores ainda vivas e vigorosas, dando frutos e esbanjando longevidade. O que coloca a Manga entre as plantas cultivadas capazes de se manterem produtivas por mais tempo e, portanto, uma boa ‘herança’ que pode deixar para as gerações vindouras.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *