Tomilho, biopesticida

O Tomilho, como todas as plantas aromáticas têm o efeito de repelente sobre os insectos indesejados, quanto mais aromática a planta maior é o seu poder e, como tal, o tomilho não é excepção.
É considerado um bom desparasitante tanto interno como externo e excelente no combate aos piolhos.
Como também tem boas qualidades anti-fungicas é recomendado para o combate ao míldio e ao oídio, pelo que o seu plantio na agricultura integrada é aconselhado, pois também atraia os insectos polinizadores.
Para pulverização de infusão de tomilho, não encontrei qualquer referência, mas 100 grs. por cada 10 litros de água deverá ser suficiente.
 
[relacionados tag=tomilho]

Urtigas, como ter sempre

Sendo a urtiga espontânea em muitos locais do mundo, não o é em todos, pelo que, a sua cultura por estaca é uma boa forma de ter sempre “stock” disponível e acessível e uma vez que basta um quilo para cem litros de produto final, uma parte para dez de preparado e uma parte para dez diluído para aplicação, a área plantada não necessita ser muito grande.
Também se pode plantar em vaso se a área a proteger for de pequena dimensão.
 
[relacionados tag=“urtiga”]

Biopesticida, para a sua horta, vinha, pomar, etc…

A Urtiga, é talvez uma das mais mal amadas das plantas, mas, no entanto, as suas propriedades são imensas, inclusive como um dos mais multifacetados pesticidas biológicos ou biopesticidas. Para além disso tem propriedades que regeneram o solo e potenciam o crescimento das suas plantas, é portanto uma planta que faz todo o sentido que utilizemos e como pega de estaca podemos ter sempre “stock” disponível.
 
 
[relacionados tag=“urtiga”]

Urtigas, compostagem

Já aqui explicamos como utilizar a urtiga para produção de biopesticida ou pesticida biológico, mas o que ainda não foi dito foi o que fazer com o que fica após o preparado e o melhor que podemos fazer é usa-lo nas nossas pilhas de compostagem, pois funciona como um acelerador da mesma, fazendo com que o nosso composto fique pronto mais rapidamente e com melhor qualidade.
 
[relacionados tag=“urtiga”]
 

Urtiga, Biopesticida, como fazer

Antes de começar as precauções a ter em conta: Proteja bem os seus olhos e a sua pele sempre que manusear urtigas.
O produto resultante da sua preparação tem uma “validade” aproximada de seis meses.
Como confeccionar:

  • . colha as urtigas pique-as e coloque em água na razão de uma parte de urtigas para dez de água.
  • ferva durante meia hora deixe arrefecer coe e reserve.
  • ou deixe macerar durante não menos de quatro dias, esta opção é mais ecológica pois não consome energia, mas devido à fermentação fica com um cheiro similar a estrume, a escolha é sua, passados os quatro dias coe e reserve.

Aplicação:

  • proteja-se sempre como com qualquer pesticida.
  • utilize uma parte do preparado por cada dez de água.
  • pode pulverizar abundantemente, pois também beneficia o solo.
  • repita o procedimento passados quinze dias e ou se surgir alguma praga, evite pulverizar durante a floração.

 
Boas colheitas
 
[relacionados tag=“urtiga”]