Erva de S. João, origem botânica

Esta erva teve origem na Europa, África e Ásia, espalhando-se depois a todo o lado.

A planta tem ramos espessos e cresce normalmente até cerca de 1 m de altura. As suas folhas, vistas através da luz, são quase transparentes, característica esta, que se deve ao elevado teor de óleo, concentrado neste local. As suas flores que aparecem no verão, são amarelas e contêm um pigmento vermelho.

Em tempos passados, esta planta era usada para proteger o ser humano contra doenças, pois acreditava-se que tinha poderes demoníacos.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *